10 clipes para conhecer: Spike Jonze

Por: Cleber Facchi

Quem observa as sutilezas de Spike Jonze através de filmes como Onde Vivem Os Monstros ou mesmo no videoclipe The Suburbs do Arcade Fire pode não conhecer a crueza dos trabalhos iniciais do diretor norte-americano. Apaixonado por andar de skate, Jonze fez seus primeiros filmes justamente tendo como foco o esporte que tanto amava. Seus primeiros vídeos ainda na década de 80 exploravam os amigos fazendo manobras, porém diferente do que outros diretores que se aventuravam pela prática, o jovem Spike dava muito mais um ar de documentário, além de contar pequenas histórias, que se interligavam a prática do skate.

A aproximação com grupos de rock como Sonic Youth e Dinosaur Jr, ambos também fissurados pelo skate fez com que Jonze logo partisse para a direção de clipes musicais, sendo um dos primeiros o da música 100% do clássico Dirty (1992) da banda de Thurston Moore. Ambientado todo dentro da “estética” skatista o vídeo serviu como um belo cartão de visitas para o principiante diretor, que logo no ano seguinte engatou parecerias com Weezer, The Breeders, Teenage Fanclub e Beastie Boys.

Mesmo já tendo mostrado um excelente trabalho no clipe de Buddy Holly do Weezer, mostrando não apenas limitado à um única temática, seria com o vídeo da faixa Sabotage do trio de Hip-Hop Beastie Boys, que Jonze seria finalmente aclamado, naquele que é um dos melhores clipes feitos até hoje. Todo desenvolvido com base nos seriados policiais dos anos 70 o clipe mostrava que Mike D, MCA e Ad-Rock não eram apenas bons nas rimas, mas também ótimos atores (pelo menos grandes canastrões).

Nos anos seguintes o diretor daria continuidade ao trabalho ao lado dos skatistas, além de se aventurar pela direção de seus primeiros curta metragens. Nos clipes a versatilidade de Jonze se ampliaria cada vez mais, basta ver os vídeos de It’s Oh So Quiet da islandesa Björk no melhor estilo inspirado em filmes musicais, com dançarinos e gente fazendo coreografias pontuais. O interesse por coreografias viria ainda com a versão de Praise You do produtor Fatboy Slim, com um grupo de dançarinos se apresentando em público na entrada de um cinema.

Em 1999 Spike Jonze estrearia no cinema com seu primeiro longa metragem, Quero Ser John Malkovitch baseado no roteiro excêntrico de Charlie Kaufman. Três anos depois viria o segundo filme dirigido por ele, Adaptação, mais uma parceria com o roteirista do primeiro filme. Embora a carreira como cineasta seguisse de vento em popa, Jonze em nenhum momento abandonou a direção dos videoclipes e ainda conseguiu contribuir com a produção do primeiro longa do Jackass, seriado do qual foi um dos co-criadores.

Entre a direção de um clipe e outro, Spike casou-se com Sophia Copolla (que se divorciou mais tarde), namorou Karen O do Yeah Yeah Yeahs, além da atriz Michelle Williams. Cada vez mais versátil em suas criações Jonze se aventurou mais uma vez no cinema em 2009 com a adaptação do clássico infantil de Maurice Sendak. Embora o número de videoclipes dirigidos por Spike Jonze tenha diminuído com o passar dos anos, a cada nova direção o público era presenteado com mais uma sequência de imagens que saltam os olhos.

[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=iva_Y9W3hJ0?rol=0]

Sonic Youth – “100%”

[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=tXi4MVuS_tc?rol=0]

Weezer – “Buddy Holly”

[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=z5rRZdiu1UE?rol=0]

Beastie Boys – “Sabotage”

[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=zMbEge4BQQU?rol=0]

Björk – “It’s Oh So Quiet”

[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=hBlJMnM9Ij8?rol=0]

Fatboy Slim – “Praise You”


[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=fxvkI9MTQw4?rol=0]

The Breeders – “Cannonball”


[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=bw2kN6staec?rol=0]

The Chemical Brothers – “Elektrobank


[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=WQxJsaT68Fk?rol=0]

Daft Punk – “Da Funk”


[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=ila-hAUXR5U?rol=0]

Kanye West – “Flashing Lights”


[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=5Euj9f3gdyM?rol=0]

Arcade Fire – “The Suburbs”