Anna of the North: “Baby”

.

Batidas e arranjos sempre minimalistas, tímidas, a voz doce e versos que tratam de relacionamentos fracassados, medos e confissões românticas. É fácil ser seduzido pelo trabalho da jovem Anna Lotterud. Dona de uma sequência de composições assinadas como Anna of the North, a cantora, compositora e produtor escandinava acumula no próprio perfil no soundcloud um vasto acervo de faixas marcadas pela saudade; faixas como Sway e a mais recente delas, Baby.

Em uma estrutura que cresce lentamente, revelando vozes e sintetizadores que são apresentados ao público em pequenas doses, a composição de versos dolorosos parece seguir uma trilha intimista, rompendo com o trabalho de outras conterrâneas da cena escandinava. Uma espécie de interpretação mais “lenta” do mesmo material dançante produzido pelo CHVRCHES em The Bones of What You Believe (2013), percepção clara desde o single anterior, The Dreamer.

.

Anna of The North – Baby

Veja também:


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Send this to friend