Beirut: “Gibraltar” (VÍDEO)

.

A busca por um som cada vez mais pop parece apontar a direção para o quarto álbum de estúdio do Beirut. Intitulado No No No (2015), o registro de apenas nove composições inéditas parece manter na leveza dos vocais, arranjos e até na própria capa – imagem acima – um completo distanciamento do som incorporado por Zach Condon no antecessor (e denso) The Rip Tide (2011). Prova expressiva disso está no lançamento da econômica Gibraltar.

Das batidas ao uso dos pianos, da voz “manhosa” de Condon ao uso de instrumentos percussivos, poucas vezes uma composição do Beirut pareceu tão adorável e serena. Longe do universo de sons e referências ancoradas na cultura do Leste Europeu, Condon parece mergulhar de cabeça nas melodias tímidas de gigantes como Peter Gabriel e Paul Simon, raspando de leve na obra do cantor sueco Jens Lekman, semelhança também nítida dentro da faixa-título do novo disco. Tão leve quanto a própria canção é o clipe assinado por Brother Willis.

No No No (2015) será lançado no dia 11/09 pelo selo 4AD.

.

Beirut – Gibraltar

Jornalista, criador do Miojo Indie e integrante do podcast Vamos Falar Sobre Música. Já passou por diferentes publicações de Editora Abril, foi editor de Cultura e Entretenimento no Huffington Post Brasil, colaborou com a Folha de S. Paulo e trabalhou com Brand Experience e Creative Copywriter em marcas como Itaú e QuintoAndar. Pai do Pudim, “ataca de DJ” nas horas vagas e adora ganhar discos de vinil de presente.