Bixiga 70: “The Copan Connection: Bixiga 70 meets Victor Rice”

.

Entregue ao público em abril do último ano, o terceiro álbum de estúdio do coletivo paulistano Bixiga 70 continua rendendo bons frutos. Um dos 50 Melhores Discos Nacionais de 2015, o registro de nove faixas surge transformado nas mãos do produtor Victor Rice. Assim como fez recentemente no segundo álbum de estúdio de Matheus Brant, Assume Que Gosta (2016), Rice transportou parte das canções para o universo de emanações jamaicanas do Dub.

O resultado está em uma sequência com sete composições marcadas pelo eco, reverberações e novas texturas que distanciam o coletivo paulistano do Funk/Soul dos anos 1970 que tanto inspira a obra original. Um trabalho dominado pelo uso sutil das batidas e pequenas interferências instrumentais que vez ou outra cortam a nuvem sonora produzida por Rice.

.

Bixiga 70 – The Copan Connection: Bixiga 70 meets Victor Rice