Black Midi: “Talking Heads”


É difícil prever o som produzido pelos integrantes do Black Midi. Se em Speedway o grupo britânico parecia transitar por entre gêneros, provando de elementos jazzísticas e pequenos diálogos com a obra de veteranos como The Fall e Pogues, com o lançamento de Crow’s Perch, há poucas semanas, a estrutura incorporada pela banda parecia apontar para um novo universo criativo. São camadas de guitarras, batidas tortas e pequenas corrupções estéticas que tornam o caminho percorrido pelo quarteto inglês sempre incerto, imprevisibilidade que volta a se repetir com a recém-lançada Talking Heads.

Como o próprio título aponta, a nova faixa deixa de buscar inspiração no pós-punk britânico da década de 1980 para mergulhar no cenário turbulento de Nova York. São variações instrumentais que ora apontam para a antiga banda de David Byrne, ora voltam os ouvidos para a atmosfera urbana de nomes como Television. Surgem ainda improváveis quebras conceituais que bagunçam a experiência do ouvinte durante toda a execução da faixa, estrutura que naturalmente aproxima o grupo do mesmo direcionamento eletrônico de conterrâneos como Bloc Party no início dos anos 2000.


Black Midi – Talking Heads