Blood Orange: “Dagenham Dream” (VÍDEO)

 

Você me perguntou ‘o que é família?’. Eu penso em família como comunidade. Penso nos espaços onde você não tem que se encolher. Onde você não tem que fingir ou interpretar. Você pode parecer e ser vulnerável… Você se mostra como você é, sem julgamento, sem ser ridicularizado. Sem medo ou violência, sem policiamento ou confinamento. Você pode estar lá e se sentir completo. Então podemos escolher nossas famílias. Não somos limitados pela biologia. Conseguimos fazer por nós mesmos. Podemos criar nossas próprias famílias“.

O trecho declamado pela escritora, apresentadora e ativista LGBTQIA+ Janet Mock, em Family, sexta faixa de Negro Swan (2018, Domino), diz muito sobre a atmosfera e conceito explorado por Dev Hynes ao longo da obra. Quarto álbum de estúdio do cantor e compositor britânico como Blood Orange, o registro guiado pela temática do acolhimento segue exatamente de onde o músico parou há dois anos, durante o lançamento do excelente Freetown Sound (2016). Canções que encontram em núcleos e personagens minorizados – como negros, homossexuais, mulheres e transsexuais –, o principal componente criativo para a formação dos versos. Leia o texto completo.

Dev Hynes segue com a divulgação do quarto álbum de estúdio como Blood Orange, o ótimo Negro Swan (2018). Depois de colaborar com Yves Tumor e Ian Isiah na nova versão de Smoke, o músico britânico entrega ao público o clipe de Dagenham Dream. Assista:

 



Blood Orange – Dagenham Dream


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Send this to friend