Burial: “Rodent”

 

Sem necessariamente se preocupar com a produção de um novo álbum de inéditas, o britânico William Bevan segue com o lançamento de uma série de composições inéditas, parte expressiva delas montadas em cima de temas ambientais. Basta voltar os ouvidos para os dois últimos singles do artista inglês como Burial, Young Death / NightmarketSubtemple / Beachfires para perceber o completo distanciamento em relação aos primeiros registros do produtor.

Interessante perceber na recém-lançada Rodent um parcial regresso ao mesmo universo de obras como Untrue (2007). Entre vozes sampleadas, fragmentos jazzísticos e batidas levemente dançantes, Bevan entrega ao público uma faixa que se espalha em meio a pequenos atos, seduzindo o ouvinte sem pressa, de forma sempre vagarosa, hipnótica. A canção ainda chega acompanhada de um remix produzido pelo parceiro de longa data do artista, o conterrâneo Kode9.

 

Burial – Rodent