Caribou: “Never Come Back” (Koreless Remix)


Toro Y Moi, Logic1000, Jessy Lanza e Shanti Celeste, esses são alguns dos nomes escolhidos por Dan Snaith, o Caribou, a assinar as canções da coletânea Suddenly Remixes (2021). Releitura para algumas das principais faixas apresentadas pelo produtor canadense em Suddenly – 22º colocado em nossa lista com Os 50 Melhores Discos Internacionais de 2020 –, o registro que será distribuído pela Merge Records teve algumas de suas composições lançadas nas últimas semanas, caso de Never Come Beck, que ganhou novo tratamento nas mãos dos parceiros Four Tet e Floating Points.

E foi justamente uma nova releitura de Never Come Beck que serviu para anunciar a chegada do registro. Dessa vez, a música se transformas nos experimentos e batidas de Lewis Roberts, o Koreless. O resultado desse processo está na entrega de uma faixa que preserva a essência de Caribou, mas que ganha novo resultado no som labiríntico do produtor britânico. Essa é a segunda vez que Snaith anuncia a chegada de um registro do gênero. Em 2010, o artista canadense convidou nomes como Junior Boys, DJ Koze, Fuck Buttons e Gold Panda a colaborar no ótimo Swim Remixes.


Suddenly Remixes

01 Never Come Back (Koreless Remix)
02 Never Come Back (Four Tet Remix)
03 Home (Toro y Moi Remix)
04 Sunny’s Time (Logic1000 Remix)
05 Sister (Floating Points Remix)
06 Ravi (Shanti Celeste Remix)
07 You and I (Jessy Lanza Mix)
08 Sunny’s Time (Prince Nifty Saddle Up Mix)
09 Never Come Back (Floating Points Remix)
10 Never Come Back (Morgan Geist Remix)
11 Sunny’s Time (Kareem Ali Remix)
12 Like I Loved You (India Jordan Remix)

Suddenly Remixes (2021) será lançado em 12/3 via Merge.


Caribou – Never Come Back (Koreless Remix)

Jornalista, criador do Miojo Indie e integrante do podcast Vamos Falar Sobre Música. Já passou por diferentes publicações de Editora Abril, foi editor de Cultura e Entretenimento no Huffington Post Brasil, colaborou com a Folha de S. Paulo e trabalhou com Brand Experience e Creative Copywriter em marcas como Itaú e QuintoAndar. Pai do Pudim, “ataca de DJ” nas horas vagas e adora ganhar discos de vinil de presente.