David Bowie: “Lazarus”

.

David Bowie parece seguir um caminho completamente distinto em relação ao último registro de inéditas, The Next Day (2013). Longe das melodias pegajosas e guitarras parcialmente enérgicas que marcam o trabalho apresentado há dois anos – primeiro desde o hiato iniciado em 2003 -, o cantor e compositor britânico encontra no uso de temas experimentais e soturnos a base para o aguardado ★ – pronuncia-se Blackstar -, obra prevista para estrear em janeiro de 2016. Prova disso está na construção da extensa faixa-título do novo álbum, apresentada há poucas semanas, além da recém-lançada Lazarus.

Com quase sete minutos de duração, a faixa dominada pelo uso de guitarras sóbrias abre espaço não apenas para que a voz de Bowie tome conta da canção, mas também uma delicada base jazzística, orquestrada pelo uso de instrumentos de sopro. Nos versos, a construção de um personagem essencialmente melancólico, como uma extensão intimista do acervo de canções apresentadas nos instantes finais de The Next Day ou mesmo da curta discografia do músico no começo dos anos 2000.

★ (2016) será lançado no dia 08/01 pelo selo Columbia.

.

David Bowie – Lazarus


One thought on “David Bowie: “Lazarus”

Comments are closed.