""

Ano:
Selo:
Gênero:
Para quem gosta de:
Ouça:
Nota:

Disco: “Stridulum II”, Zola Jesus

Zola Jesus
Darkwave/Ambient/Lo-Fi
http://www.myspace.com/zolajesus


O projeto Zola Jesus da californiana Nika Danilova é uma das maiores homenagens já feitas à música gótica e ao rock industrial dos anos 80. Batidas eletrônicas, minimalismos sombrios e noise pop marcam Stridulum II, precedido de um EP homônimo que fazia uma introdução do que seria encontrado em sua sequência. Prepare-se para uma viagem em um ambiente guiado pela voz grave de Danilova e sua instrumentação pesada e obscura.

O EP conta com exatamente as seis primeiras faixas que abrem Stridulum II. O que se altera são apenas alguns arranjos das faixas ou como em Night as canções são executadas na íntegra enquanto no disco acabam mais compactadas. Mesmo mais curtas as faixas do álbum não perdem sua qualidade e contam ainda com o acréscimo de outras três canções (Tower, Sea Talk e Lightsick).

Siouxsie and The Banshees, The Sisters Of Mercy e Bauhaus reverberam por todo o trabalho. O vocal de Danilova em diversos momentos faz lembrar Siouxsie Sioux, principalmente quando solta sua voz em canções como a belíssima Run Me Out ou na faixa que dá nome ao disco.

É perceptível o sentimento de desespero quando Danilova despeja os versos de I Can’t Stand, como se tentasse salvar alguém (ou a si mesma) de um coração partido. “Não é fácil se apaixonar/ Mas se tiver sorte poderá encontrar alguém/Então não deixe isso te derrubar” entoa a cantora. A aura melancólica se estende às demais faixas do disco até seu desfecho em Lightsick com seus pianos em loop.

Stridulum II é um apanhado de grandes canções da música gótica contemporânea que se fossem lançadas há vinte anos se transformariam e clássicos imediatos. Night, I Can’t Stand e Sea Talk são apenas um exemplo das brilhantes faixas de Nika Danilova trabalhadas dentro da temática obscura do disco, mas que são extremamente acessíveis. Boa parte das canções crescem gradativamente em sua execução culminando em um momento de sonoridade explosiva acompanhado de um refrão marcante que cresce ainda mais através da voz triste da vocalista.

Stridulum II (2010)

Nota: 8.8
Para quem gosta de: Beach House, Siouxsie and The Banshees e Fever Ray
Ouça: Night, I Can’t Stand e Sea Talk