Djonga: “Ladrão”


Djonga não para! Um ano após o lançamento de O Menino Que Queria Ser Deus – 4º colocado em nossa lista com Os 50 Melhores Discos Brasileiros de 2018 –, o rapper mineiro está de volta com um novo registro de inéditas. Intitulado Ladrão (2019), o trabalho de dez faixas naturalmente serve de reforço à poesia provocativa que vem sendo aprimorada pelo artista belo-horizontino desde o primeiro álbum de estúdio da carreira, o excelente Heresia – 7º colocado em nossa lista com Os 50 Melhores Discos Brasileiros de 2017.

Produzido e gravado de forma caseira, em um estúdio montado na casa da própria avó do rapper, personagem de destaque na imagem de capa do disco, Ladrão, assim como os registros que o antecedem, busca inspiração em fatos recentes do cotidiano brasileiro. Do crime ambiental em Brumadinho e Mariana, passando pelo atual cenário político, violência policial, os filmes de Jordan Peele (Corra!) e Spike Lee (Infiltrado na Klan) à opressão racial, tudo se transforma em matéria-prima para o trabalho do artista mineiro.


Djonga – Ladrão


Leave a Reply

Send this to friend