Empress Of: “Call Me”


Responsável pela cine-biografia The Runaways – Garotas do Rock (2010), trabalho que conta a história da banda criada por Joan Jett e Cherie Currie na segunda metade dos anos 1970, Floria Sigismondi lança nas próximas semanas o primeiro longa-metragem de terror da carreia, Os Órfãos – em inglês, The Turning. Entretanto, a mudança de gênero em nada parece ter afetado a relação da cineasta com a música. Para a trilha sonoras da película protagonizado por Finn Wolfhard (Stranger Things) e Mackenzie Davis (Blade Runner 2049), Sigismondi decidiu colaborar com um time seleto de vozes femininas.

São nomes como Mitski, Kim Gordon, Alice Glass, Vagabon, Kali Uchis, Warpaint e Cherry Glazerr, todas inspiradas pelo rock dos anos 1990, onde se passa a ação do filme. O resultado desse evidente direcionamento nostálgico está na entrega de músicas como as já conhecidas Mother, de Courtney Love, e a ainda recente Feed, bem-sucedida criação Soccer Mommy. Nada que se compare ao material apresentado na recém-lançada Call Me. Produzida por Lorelay Rodriguez, do Empress Of, a canção encanta pelas camadas de guitarras e vozes, lembrando a boa fase do Cocteau Twins, em Heaven or Las Vegas (1990).



Empress Of – Call Me

Jornalista, criador do Miojo Indie e integrante do podcast Vamos Falar Sobre Música. Já passou por diferentes publicações de Editora Abril, foi editor de Cultura e Entretenimento no Huffington Post Brasil, colaborou com a Folha de S. Paulo e trabalhou com Brand Experience e Creative Copywriter em marcas como Itaú e QuintoAndar. Pai do Pudim, “ataca de DJ” nas horas vagas e adora ganhar discos de vinil de presente.

One thought on “Empress Of: “Call Me”

Comments are closed.