Frank Ocean: “In My Room”


Mesmo sem anunciar o lançamento de um novo trabalho de estúdio, Frank Ocean segue com a produção de uma série de composições inéditas. Três anos após a entrega do excelente Blonde – 2º colocado em nossa lista com Os 50 Melhores Discos Internacionais de 2016 –, o cantor e compositor norte-americano vai da música eletrônica ao R&B em uma linguagem puramente autoral, colidindo diferentes fórmulas instrumentais, melodias e vozes de forma propositadamente inexata, torta, direcionamento explícito na já conhecida DHL, lançada há poucos dias, mas que ganha ainda mais destaque na recém-lançada In My Room.

Marcada pela melancolia dos versos, a canção segue em uma sequência de batidas e temas atmosféricos, como um parcial regresso ao material entregue pelo próprio artista durante o lançamento de Endless (2016). “Foda-se, eu ainda estou bonito em um poço de cobras / Enquanto as serpentes balançam suas novas escamas / Eu preciso de um novo rosto, estou cansado desses esquisitos“, reflete enquanto prepara o terreno para o verso central da canção: “Pare de ser violento comigo / Você me faz violento“. A julgar pela imagem de capa do registro, teremos uma série de faixas inéditas pelas próximas semanas. Ouça:


Frank Ocean – In My Room


Leave a Reply