Giancarlo Rufatto: “Alfredo” & “Enseada”

Giancarlo Rufatto

.

A vida se empilha como a louça suja na cozinha / de uma casa vazia que há muito não é um lar”. Com estes versos amargurados o curitibano Giancarlo Rufatto abre espaço para o primeiro grande single de 2014. Íntimo das gravações caseiras e versos que lidam de forma melancólica com referências simples do cotidiano, o cantor e compositor paranaense faz de Alfredo uma das metades do novo projeto, que ao ser encaixada com Enseada reforça toda a maturidade que há tempos acompanha as criações do músico.

Seguindo a atmosfera sombria imposta em Machismo (2010), um dos grandes lançamentos nacionais da atual década, Rufatto condensa guitarras e sintetizadores em um ambiente acinzentado, como um inevitável crônica curitibana a ser desvendada pelo espectador. Versos, arranjos e ruídos, tudo se movimenta em uma atmosfera involuntariamente compacta, como se o isolamento fosse a chave para entender o trabalho do artista e mergulhar em versos como “Me divertindo vendo o temporal chegar / enquanto escrevo pra me desculpar”.

.

[soundcloud url=”https://api.soundcloud.com/tracks/129558359″ params=”color=ffdb00&auto_play=false&show_artwork=true” width=”100%” height=”166″ iframe=”true” /]

Giancarlo Rufatto – Alfredo

.

[soundcloud url=”https://api.soundcloud.com/tracks/129635084″ params=”color=ffdb00&auto_play=false&show_artwork=true” width=”100%” height=”166″ iframe=”true” /]

Giancarlo Rufatto – Enseada