Jai Paul: “Jai Paul”

Jai Paul

.

Jai Paul surgiu no último ano com duas das composições mais belas e estranhas da eletrônica britânica recente: Jasmine e BTSTU. Sustentado em cima de colagens que vão do Soul ao Hip-Hop, o produtor mantém a mesma proposta para alimentar aquela que parece ser sua primeira grande obra. Disponível para audição e download desde a manhã de domingo, a “possível” estreia do britânico se sustenta em 16 composições, todas orientadas pelos mesmos experimentos hipnóticos que o artista usa para aprisionar o ouvinte sem grandes dificuldades. Entre faixas já conhecidas (como uma nova versão para BTSTU) e composições totalmente inéditas, o produtor usa do disco como um exercício para brincar com a mente do espectador. Para ouvir ou baixar o disco, basta clicar na imagem abaixo ou se deliciar com as duas principais composições já lançadas por Jai Paul.

Atenção: To confirm: demos on bandcamp were not uploaded by me, this is not my debut album. Please don’t buy. Statement to follow later. Thanks, Jai“. Ou seja, apenas demos, o que já vale pela curiosidade.

.

Jai Paul

.

[soundcloud url=”http://api.soundcloud.com/tracks/1319592″ params=”” width=” 100%” height=”166″ iframe=”true” /]

Jai Paul – BTSTU

.

[soundcloud url=”http://api.soundcloud.com/tracks/41479635″ params=”” width=” 100%” height=”166″ iframe=”true” /]

Jai Paul – Jasmine