Jamila Woods: “Sula (Paperback)”


No último ano, Jamila Woods deu início a uma ideia bastante curiosa: fazer de citações a algumas de suas principais referências criativas a base para o segundo álbum de estúdio da carreira. O resultado desse processo criativo está na entrega do delicado Legacy! Legacy! – 11º colocado em nossa lista com Os 50 Melhores Discos Internacionais de 2019. No repertório, canções como Zora e Giovanni. São homenagens a nomes como a escritora e poetisa afro-americana Zora Neale-Hurston (1891 – 1960), e também à ativista Nikki Giovanni, além de outros gigantes como Miles Davis e Besquiat.

Pouco mais de um ano após o lançamento do trabalho, Woods está de volta com mais uma faixa que adota a mesma estética: Sula (Paperback). Trata-se de uma confessa homenagem à escritora norte-americana Toni Morrison (1931 – 2019), primeira mulher negra a ganhar o Nobel de Literatura, em 1993, e autora do clássico Sula (1973), de onde vem a inspiração para a presente música. São versos marcados pela temática do empoderamento e sentimentos sempre tratados com delicadeza, conceito que marca as criações da artista desde a estreia com o ótimo Heavn (2016). Ouça:



Jamila Woods – Sula (Paperback)

Jornalista, criador do Miojo Indie e integrante do podcast Vamos Falar Sobre Música. Já passou por diferentes publicações de Editora Abril, foi editor de Cultura e Entretenimento no Huffington Post Brasil, colaborou com a Folha de S. Paulo e trabalhou com Brand Experience e Creative Copywriter em marcas como Itaú e QuintoAndar. Pai do Pudim, “ataca de DJ” nas horas vagas e adora ganhar discos de vinil de presente.