Kendrick Lamar: “i”

.

Quem conheceu o trabalho de Kendrick Lamar em Good Kid, m.A.A.d. City, talvez tenha se espantado com a sonoridade que acompanha o mais novo invento do rapper: i. Fuga evidente do ambiente “comportado” que grande parte das canções lançadas no álbum de 2012, a nova música – primeiro single do ainda inédito quarto álbum de Lamar – segue em direção ao mesmo território de Section.80 (2011), de fato, o primeiro grande trabalho do rapper.

Desenvolvida a partir da faixa That Lady, clássico do Funk/R&B lançado em 1964 pelo grupo The Isley Brothers, a canção assinada pelo produtor Rahki logo se transforma em um produto típico de Lamar. Trata-se da composição mais acessível do artista desde a boa recepção em torno de Bitch, Don’t Kill My Vibe, a música mais “comercial” do disco entregue em 2012. Ainda que a expectativa para o novo álbum do rapper seja grande, Lamar já informou em entrevista à revista Rolling Stone que o disco não deve estrear em 2014, o que faz de i um satisfatório aperitivo.

.

Kendrick Lamar – i