""

Ano:
Selo:
Gênero:
Para quem gosta de:
Ouça:
Nota:

Marcelo Jeneci: “De Graça”

Marcelo Jeneci

.

De Graça, este é o título de segundo registro em estúdio de Marcelo Jeneci e o primeiro grande invento do músico paulistano depois da chegada Feito Pra Acabar – o melhor disco brasileiro de 2010. Fascinado pelos ritmos populares e a relação natural com o grande público, Jeneci amplia o que já havia iniciado no debut, preparando para o novo álbum um território que passeia pelos diferentes gêneros do Brasil em sua essência. Longe da melancolia épica-orquestral que se materializava suavemente pela obra, o novo álbum encontra na produção de Kassin um ponto de equilíbrio e ruptura em relação ao cenário proposto há menos de três anos. Cercado por um novo time de colaboradores – entre eles Adriano Cintra, ex-CSS que toma conta da bateria e programação eletrônica -, o músico completa na faixa-título uma chamada para o que deve orientar toda a obra.

Motivado pela premissa de que “o melhor da vida é de graça”, a canção cresce em uma medida inicialmente tímida, mas acalentada, efeito claro da presença do produtor Kassin, que ao apresentar o último álbum solo, Sonhando Devagar (2011), trouxe uma série de conceitos focados nos ritmos nortistas. Caetano Veloso, Novos Baianos e até Felipe Cordeiro passam referencialmente pela rápida canção, faixa que parece romper com o panorama moroso até então exposto nas primeiras canções inéditas do músico para o novo disco. Aviso claro de que a proposta de Jeneci agora é outra, a canção parece assumir tudo o que o cenário musical do Norte do país-principalmente o paraense -, manifesta há tempos, o que deve, por fim, instalar a colorida estética tropical nos ouvidos preconceituosos de muita gente.

.


Marcelo Jeneci – De Graça

Veja também:


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Send this to friend