Miya Folick: “Malibu Barbie”


Com o lançamento de Premonitions – 40º colocado em nossa lista com Os 50 Melhores Discos Internacionais de 2018 –, Miya Folick não apenas conseguiu atrair a atenção de uma parcela maior do público, como reforçou a própria versatilidade dentro de estúdio. O resultado desse forte refinamento criativo e riqueza estética está na produção de músicas como Cost Your Love, Thingamajig, Stock Image, Stop Talking e todo o fino repertório concebido para o primeiro álbum de estúdio da cantora e compositora norte-americana.

Poucos meses após o lançamento do trabalho, Folick está de volta com mais uma criação inédita. Em Malibu Barbie, a jovem artista segue exatamente de onde parou em Premonitions. São camadas de sintetizadores, guitarras e pequenas variações melódicas que confirmam a capacidade da artista em dialogar com uma parcela maior do público. Difícil não lembrar dos primeiros trabalhos de St. Vincent, efeito direto da poesia feminista e evidente cuidado da cantora na composição de cada elemento que embala a canção até o último instante.


Miya Folick – Malibu Barbie