Ouça | Bill Callahan: “Gold Record”


Pouco mais de um ano após o lançamento de Shepherd in a Sheepskin Vest – 25º colocado em nossa lista com Os 50 Melhores Discos Internacionais de 2019 –, obra eu deu fim a um longo período de hiato, o cantor e compositor Bill Callahan está de volta com mais um novo registro de inéditas. Intitulado Gold Record (2020), o álbum que conta com distribuição pelo selo Drag City, casa de Callahan desde o início da carreira, mostra a busca do texano por um repertório musicalmente contido, porém, detalhista na formação dos versos, proposta que há tempos define as composições do artista.

Diferente dos antigos trabalhos de estúdio, Gold Record teve grande parte de suas faixas apresentadas ao longo dos meses. A cada semana, uma nova fatia do disco. No repertório, preciosidades como PigeonsAnother Song, 35Protest SongThe Mackenzies, Breakfast e a ainda recente Ry Cooder, cômica homenagem de Callahan a um dos guitarristas mais importantes da música estadunidense. O destaque acaba ficando por conta da releitura de Let’s Move To The Country, originalmente lançada em 1999, como parte do disco Knock Knock (1999), grande obra do Smog, antiga banda do cantor. 



Bill Callahan – Gold Record