Ouça | Chromatics: “Closer To Gray”


Cinco anos se passaram desde que os integrantes do Chromatics anunciaram o lançamento do sucessor de Kill For Love – 6º colocado em nossa lista com Os 50 Melhores Discos Internacionais de 2012 –, o mitológico Dear Tommy. Com distribuição inicialmente prevista para o começo de 2015, porém, adiado e, posteriormente destruído pelo próprio produtor e principal compositor da banda, o músico Jhonny Jewel, após uma experiência de quase morte, o registro finalmente chega até o público, porém, com outro nome e nova formatação. Trata-se do recém-lançado Closer To Gray (2019).

Primeiro trabalho de estúdio do grupo norte-americano em sete anos, o registro segue exatamente de onde a banda parou em Kill For Love, mergulhando em meio a camadas de sintetizadores e uma estranha narrativa cinematográfica, conceito reforçado logo na imagem de capa do disco, inspirada em clássicos do cinema de horror. Entre interpretações atualizadas para músicas já conhecidas da banda, como a própria faixa-título do álbum, Closer To Gray chama a atenção logo de cara, com a versão para o clássico The Sound of Silence, da dupla Simon & Garfunkel, além de outras preciosidades. Ouça:


Chromatics – Closer To Gray