Ouça | Ian Sweet: “Show Me How You Disappear”


Três anos após o lançamento do segundo álbum de estúdio da carreira, o ótimo Crush Crusher (2018), Jilian Medford entrega ao público o novo registro de inéditas como Ian Sweet, Show Me How You Disappear (2021). São dez composições em que a cantora e compositora norte-americana se concentra no uso de texturas, experimentações controladas e camadas de guitarras que se revelam ao público em pequenas doses. Uma extensão natural de tudo aquilo que a artista tem produzido desde a estreia com Shapeshifter (2016), porém, de forma ainda mais complexa e detalhista.

Nos últimos meses, Medford revelou ao público algumas das principais composições que recheiam o disco. É o caso de Power, SwordDumb Driver e, mais recentemente, a sequência formada por Sing Till I Cry e Drink The Lake. São canções em que a guitarrista utiliza de relacionamentos fracassados, conflitos sentimentais e outras experiências pessoais de forma a dialogar com o público, estrutura que ganha ainda mais destaque na força dos arranjos e pequenas experimentações testadas pela artista, proposta que faz lembrar de No Joy, SASAMILomelda e outros nomes próximos.



Ian Sweet – Show Me How You Disappear