Ouça | Machinegum: “Conduit”


Mais conhecido pelo trabalho como baterista do grupo nova-iorquino The Strokes, Fabrizio Moretti passou grande parte da última década colaborando em uma série de projetos paralelos e composições pontuais. Do bem sucedido debute do Little Joy, antiga banda formada em parceria com Rodrigo Amarante e Binki Shapiro, passando pela breve interferência na obra de artistas como Kesha, Megapusss e Neon Neon, sobram instantes em que o multi-instrumentista carioca parece testar os próprios limites dentro de estúdio, apontando para diferentes campos da música pop.

Interessante perceber no recém-lançado Conduit (2019), primeiro álbum de estúdio do projeto paralelo Machinegum, um acúmulo de todas essas experiências. São 11 faixas e pouco mais de 40 minutos de duração em que Moretti vai do revival pós-punk que apresentou o Strokes no início da década passada (Kubes), ao uso de melodias nostálgicas e temas litorâneos (Walking Habits), base para o trabalho como integrante do Little Joy. Uma criativa colagem de ideias que ainda conta com a colaboração de artistas vindos de diferentes campos da produção norte-americana. Ouça:



Machinegum – Conduit