Ouça | Mura Masa: “R.Y.C.”


Para a produção do primeiro álbum de estúdio da carreira, lançado há três anos, Alex Crossan decidiu estreitar a relação com diferentes realizadores vindos dos mais variados campos da música. São nomes como Christine and the Queens (Second 2 None), Charli XCX (1 Night), A$AP Rocky (Lovesick), Damon Albarn (Blu) e todo um seleto time de colaboradores que reforçaram a capacidade do artista britânico em brincar com a própria identidade criativa dentro de estúdio. Um evidente exercício versatilidade que alcança novo resultado nas canções do recém-lançado R.Y.C. (2020).

Mesmo marcado pela maior interferência vocal de Crossan, o trabalho de 11 faixas naturalmente estreita a relação do artista com um novo grupo de parceiros. São nomes como Clairo, na já conhecida I Don’t Think I Can Do This Again, Ellie Rowsell (Wolf Alice), em Teenage Headache Dreams, e a conterrânea Georgia, na recente Live Like We’re Dancing, canção entregue ao público há poucos dias. O trabalho conta ainda com a presença de nomes importantes da cena britânica, como Slowthai (Live Like We’re Dancing) e Tirzah (Today), além do compositor Ned Green (A meeting at an oak tree).



Mura Masa – R.Y.C.