Papisa: “Papisa EP”

 

De fora mística, a essência de Rita Oliva se espalha sem pressa entre as canções do primeiro registro sob o título de Papisa. Autointitulado, o registro de apenas três músicas segue exatamente de onde a musicista parou há poucos dias, durante o lançamento do single/clipe Instinto. São versos intimistas, maquiados por nuances subjetivas e efeitos enevoados de guitarras e sintetizadores. Uma parcial fuga de tudo aquilo que a artista vem desenvolvendo como integrante dos projetos P A R A T I e Cabana Café.

Além da já conhecida Intinto, música que chega acompanhada do precioso clipe de Aline Belfort, Oliva reserva ao público outras duas composições inéditas. De um lado, os versos em inglês e a atmosfera “caseira” de Delusional. No outro, a psicodelia melancólica e guitarras crescentes de Intuição, música que flerta com o rock produzido na década de 1970 de forma autoral e renovada. Um estímulo para o primeiro álbum de inédita da Papisa, previsto para estrear no próximo ano.



Papisa – Papisa EP