Pélico: “Descaradamente”


Responsável por duas das obras mais sensíveis produzidas na presente década, Que isso fique entre nós (2011) e Euforia – 24º colocado em nossa lista com Os 50 Melhores Discos Brasileiros de 2015 –, Pélico começa a preparar o terreno para o quarto álbum de estúdio da carreira. Intitulado Quem Me Viu, Quem Me Vê (2019), o registro deve seguir o caminho oposto em relação ao material entregue pelo cantor e compositor paulistano nos últimos trabalhos de inéditas. Prova disso está na política e recém-lançada Descaradamente, primeiro fragmento do novo projeto autoral do músico.

Me cansei de você / E dessa gente que mente descaradamente / Me cansei de você / E dessa gente que mente espatifada mente“, ataca Pélico enquanto reflete sobre “o vício corrosivo da mentira se espalha sobre a terra que um dia foi redonda. Falsos profetas, milicianos, juízes, procuradores, devoradores da natureza dançam em volta da fogueira e cantam seus mais ardilosos planos“. Completa pela presença de Negro Leo, a canção ainda chega acompanhada de um clipe dirigido e editado por Bruno Galan. Um delicado trabalho de fotografia que utiliza do próprio cantor como protagonista.

Quem me viu, quem me vê (2019) será lançado dia 18/10.



Pélico – Descaradamente


2 thoughts on “Pélico: “Descaradamente”

Comments are closed.