Warning: preg_match() expects parameter 2 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 418

Warning: strlen() expects parameter 1 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 489

Warning: Illegal string offset 'face' in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

Notice: Uninitialized string offset: 0 in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

Warning: preg_match() expects parameter 2 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 418

Warning: strlen() expects parameter 1 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 489

Warning: Illegal string offset 'face' in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

Notice: Uninitialized string offset: 0 in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

Warning: preg_match() expects parameter 2 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 418

Warning: strlen() expects parameter 1 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 489

Warning: Illegal string offset 'face' in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

Notice: Uninitialized string offset: 0 in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

Warning: preg_match() expects parameter 2 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 418

Warning: strlen() expects parameter 1 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 489

Warning: Illegal string offset 'face' in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

Notice: Uninitialized string offset: 0 in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

Warning: preg_match() expects parameter 2 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 418

Warning: strlen() expects parameter 1 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 489

Warning: Illegal string offset 'face' in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

Notice: Uninitialized string offset: 0 in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

Warning: preg_match() expects parameter 2 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 418

Warning: strlen() expects parameter 1 to be string, array given in /var/www/wp-includes/class-wp-block-parser.php on line 489

Warning: Illegal string offset 'face' in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

Notice: Uninitialized string offset: 0 in /var/www/wp-content/themes/layout/inc/theme-functions.php on line 226

""

Ano:
Selo:
Gênero:
Para quem gosta de:
Ouça:
Nota:

Pequenos Clássicos Modernos

Ecos Falsos
Brazilian/Alternative Rock/Indie Rock
http://www.ecosfalsos.com.br/
http://www.myspace.com/ecosfalsos

Por: Cleber Facchi

Andar com as pessoas certas fez mais do que bem a estreia do grupo paulistano Ecos Falsos. Depois de um divertido EP lançado em 2005 – A última palavra em Fashion – a “melhor pós-boyband do mundo” lançava uma das estreias mais seguras da música independente nacional. Tendo o rock como pilar central (embora o disco acabe se convertendo em outras sonoridades) e um bom número de participações especiais, o então quarteto se mostrava de maneira inspirada, acompanhados de letras dotadas de bom humor e uma saraivada de guitarras de causar inveja.

Se “ecos falsos” são sinais de vida alienígena, estes mesmos sinais deram conta de invadir as mentes de Tom Zé, Fernanda Takai e Sérgio Serra (Ultraje à Rigor) e carregá-los para dentro da formidável estreia do grupo, Descartável Longa Vida (2007). Enquanto o primeiro faz pose de roqueiro em A Revolta da Musa, a doce integrante do Pato Fu fornece seus vocais à faixa Dois a Zero, tendo o terceiro sua guitarra dissecada em Isso Me Cansa. Entretanto, muito mais do que um disco de participações, o álbum é o registro de quatro garotos inspirados.

Nas letras não há assunto que escape dos versos repletos de ironia e bom humor da banda. Se o amor em boa parte dos casos é exposto de maneira sofrida ou excessivamente declarada, aqui o tema chega inserido em boas doses de sarcasmo. Sobre ser Sentimental, por exemplo, despeja versos do tipo “eu só sou sentimental quando me fodo” sem que para isso precise soar de forma depressiva ou escandalosa. Outra é Réveillon, tratando do coração como um ser individual “O meu coração nunca vai ver a luz do dia/ Mas um dia visse, será que ele saberia? O meu coração não reconhece a luz do dia”.

[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=UtcaXe2vxrw?rol=0]

[youtube:http://www.youtube.com/watch?v=odFlnGSmOcA?rol=0]

Outros temas, como o mundo da moda acabam ironicamente analisados pelo grupo, prova disso é a divertida A última palavra em Fashion, ou mesmo o destino do planeta e as evoluções tecnológicas na “profética” Fim do Milênio. Até “religião” surge exposta com O Bom Amigo Inibié, uma espécie de santo imaginário criado pelo grupo.

Da mesma forma que as letras abrangem conteúdos diversificados a sonoridade da Ecos Falsos não se atém necessariamente a um estilo único. Mesmo que as guitarras guiadas pelo Power Pop e toques claros do rock alternativo dos anos 90 sejam a força motriz do álbum, a banda consegue claramente se guiar por outros seguimentos instrumentais. Há desde bolero em Bolero Matador, até toques de música country em Fim do Milênio, ou mesmo ares de uma sonoridade folk com climatização western em Eu Nunca Ganho.

Enquanto alguns trabalhos como Seres Verdes ao Redor do Supercordas ou mesmo A Marcha dos Invisíveis da Terminal Guadalupe, ambos lançados no mesmo ano exploravam um som mais conceitual e até realçavam uma temática política como é o caso do segundo, a Ecos Falsos nos presenteava com uma série de faixas descompromissadas e cheias de humor. As letras inteligentes, aliadas a uma instrumentação perspicaz fizeram com que a banda definitivamente começasse com o pé direito.

Descartável Longa Vida (2007)

Nota: 8.5
Para quem gosta de: Bidê ou Balde, Superguidis e Nevilton
Ouça: Réveillon