Pessoas Que Eu Conheço: ” Eu Creio Que Neste Momento da História A China Ainda Não Tenha Uma Ideologia A Vender”

.

Lucas de Paiva está de volta. Mais conhecido pelo trabalho com as bandas Opala e Mahmundi, o produtor carioca que se apresenta sob o nome de Pessoas Que Eu Conheço acaba de finalizar mais um projeto recheado com composições inéditas e título naturalmente extenso: Eu Creio Que Neste Momento da História A China Ainda Não Tenha Uma Ideologia A Vender (2015).

São apenas canções, as mesmas que dão título ao trabalho, faixas que parecem seguir a mesma trilha “nostálgica” incorporada pelo produtor no último registro de inéditas, Uma Carta de Amor Para SEGA EP (2014). A principal diferença em relação ao trabalho anterior está na forma como Paiva brinca com os sintetizadores, mantendo uma distância segure em relação ao Ambient-Techno-Experimental explorado nas primeiras composições autorais. Pouco mais de sete minutos que poderiam preencher a trilha sonora de algum vídeo game clássico dos anos 1980 ou ocupar alguma brecha nos trabalhos de Rustie e outros nomes da eletrônica estrangeira. Ouça:

.

Pessoas Que Eu Conheço – Eu Creio Que Neste Momento da História A China Ainda Não Tenha Uma Ideologia A Vender