Shame: “Alphabet” (VÍDEO)


Um dos grupos mais interessantes da cena britânica nos últimos anos, o Shame está de volta com a inédita Alphabet. Típica criação do quinteto inglês, a nova faixa segue em meio a vozes berradas, guitarras barulhentas e instantes de forte aceleração. Pouco menos de três minutos em que somos soterrados por camadas de distorção e batidas fortes, crueza que tem sido incorporada pelo grupo desde os primeiros registros autorais. O mesmo direcionamento insano acaba se refletindo no clipe surrealista da canção, trabalho que conta com a assinatura do diretor Tegen Williams.

Formado em 2014 por Eddie Green, Charlie Forbes, Josh Finerty, Sean Coyle-Smith e Charlie Steen, o grupo original da cidade de Londres lançou há dois anos o primeiro trabalho de estúdio: Songs of Praise (2018). No repertório, composições como as intensas Concrete, One Rizlaer e Lampoon. São faixas sempre curtas e rápidas, claramente influenciadas pelo pós-punk inglês dos anos 1980, conceito que naturalmente dialoga com outros nomes importantes que surgiram nos últimos anos, como Fontaines D.C. e Idles. A produção da nova música é de James Ford (Arctic Monkeys, Foals).




Shame – Alphabet

Jornalista, criador do Miojo Indie e integrante do podcast Vamos Falar Sobre Música. Já passou por diferentes publicações de Editora Abril, foi editor de Cultura e Entretenimento no Huffington Post Brasil, colaborou com a Folha de S. Paulo e trabalhou com Brand Experience e Creative Copywriter em marcas como Itaú e QuintoAndar. Pai do Pudim, “ataca de DJ” nas horas vagas e adora ganhar discos de vinil de presente.