She-Devils: “Come” (VÍDEO)

De um lado, a voz enevoada e sempre contida da vocalista Audrey Ann, no outro, os sintetizadores psicodélicos, colagens eletrônicas e batidas artificiais criadas pelo músico/produtor Kyle Jukka. Original da cidade de Montreal, no Canadá, a dupla é responsável pelo recém-lançado She-Devils, projeto que incorpora elementos da Surf Music, pop francês dos anos 1960, uma pitada de bossa nova e outros temperos psicodélicos lançados há cinco ou mais décadas.

Come, primeiro single do autointitulado EP de estreia da dupla, resume com naturalidade a proposta do casal. Enquanto Ann brinca com a sensualidade dos versos – “Hey baby can I get a little closer? There are things that I want you to hear” -, Jukka espalha um imenso catálogo de temas e referências musicais. Uma colisão de temas que resgata as primeiras canções do Unknown Mortal Orchestra ou a mesmo a sonoridade litorânea de artistas como Real Estate, mas que em nenhum momento ultrapassa o colorido psicodélico explorado de forma autoral pela dupla.

.

She-Devils – Come