. Mais de 20 anos se passaram desde que o primeiro registro em estúdio do Superchunk foi apresentado ao público, e a boa forma dos veteranos do Indie Rock se mantém em alta. Com I Hate Music (2013), décimo lançamento da banda, todos os elementos propostos no começo da década de 1990 regressam de forma ainda mais melódica e crua, efeito reforçado pela explosão de vozes e guitarras assumidas em Void. Mais novo single do novo disco, a canção esbarra nos mesmos acertos recentes de…Continue Reading “Superchunk: “Void””

. Lou Barlow parece entusiasmado para o lançamento de Defend Yourself. Primeiro registro em estúdio do Sebadoh desde que o autointitulado registro foi lançado em 1999, o novo projeto já acumula algumas boas composições, caso de I Will, e mais recentemente de State Of Mine, novo single da banda. Despojada, a canção se esquiva parcialmente dos ruídos, trazendo no manuseio “pop” das guitarras e vozes um sentido de pequena oposição ao single anterior. Próxima em alguma medida do Superchunk, no álbum I Hate Music, a…Continue Reading “Sebadoh: “State Of Mine””

. I Hate Music. Este é o título do mais novo e ainda inédito álbum da banda norte-americana Superchunk. Décimo registro em estúdio do grupo de Chapel Hill, Carolina do Norte, o álbum deve manter a mesma proposta acelerada e suja que há mais de duas décadas esculpe cada lançamento da banda. Previsto para o dia 20 de Agosto pelo selo Marge, o disco tem na aceleração de FOH seu melhor exemplar, por enquanto. Rápida, carregada de crueza e vozes tomadas pelo melódico, a canção…Continue Reading “Superchunk: “FOH””