Artista: JP Cardoso
Gênero: Indie Rock, Rock Alternativo, Indie Pop
Acesse: https://www.facebook.com/jpcardosomusic/

Fotos: Clara Novais

Eu conheci meus melhores amigos andando de bicicleta na rua / caindo e ralando os joelhos”. O explícito sentimento nostálgico que marca os versos de I Met My Best Friend Skipping Waves On The Beach parece dizer muito sobre o som produzido pelo mineiro JP Cardoso. Em Submarine Dreams (2016, La Femme Qui Roule), primeiro álbum de estúdio do cantor, recordações calorosas da infância dialogam de forma sublime com a instrumentação montada de forma atenta para cada composição.

Produzido em parceria com o músico Leonardo Marques, um dos integrantes da banda mineira Transmissor, o trabalho de apenas dez faixas cresce como um involuntário resumo de todo o universo de artistas que abasteceram o cenário norte-americano durante grande parte da última década. Nomes como Death Cab For Cutie (You never Let Me Ride), The Shins (We Don’t Have to Grow Up) e até grupos recentes, caso da banda californiana Best Coast (Crab Shells).

Leve do primeiro ao último fragmento de voz, Submarine Dreams é uma obra que encanta pelos detalhes. A completa leveza dos arranjos e vozes na faixa de abertura, o preciosismo das batidas na “experimental” Strawberry Ice Cream, o som aconchegante que escapa das guitarras em We Don’t Have to Grow Up. Sem pressa, Cardoso monta um cenário que parece cercar e confortar o ouvinte, convidado a provar da poesia melancólica e doce que se espalha no interior de cada canção.

São músicas que atravessam a infância (I Met My Best Friend Skipping Waves On The Beach), esbarram na adolescência conturbada de qualquer indivíduo (You Never Let Me Ride) e ainda mergulham com naturalidade na vida adulta (We Can’t Forget). “Todo mundo sabe que estamos envelhecendo / mas você não quer ver o seu cabelo branco …  Nós não temos que crescer”, canta em We Don’t Have to Grow Up, uma sóbria reflexão sobre a necessidade de amadurecer, porém, mantendo firme a própria essência jovial.

Continue Reading "Resenha: “Submarine Dreams”, JP Cardoso"

rp_tumblr_oc5f8zzkDY1r9ykrko1_1280.jpg

Saudade de praia, de verão, dos amigos de infância, de pessoas especiais. Saudade de uma época que a gente não necessariamente viveu, de um clima e de um lugar que não necessariamente existe quando a gente tá acordado“. Com essas palavras, o cantor e compositor mineiro JP Cardoso apresenta ao público o primeiro álbum de estúdio: Submarine Dreams (2016). Uma seleção de músicas marcadas pelo uso de boas melodias e memórias de um passado ainda recente.

Delicado e confessional do primeiro ao último verso, o registro de apenas dez faixas ainda conta com a colaboração do músico Leonardo Marques, um dos integrantes da banda mineira Transmissor. Entre os destaques do álbum, canções como I Met My Best Friend Skipping Waves On The Beach, faixa escolhida para apresentar o disco há poucos dias, além, claro, de músicas como a serena We Don’t Have to Grow Up e a derradeira Beach House. Submarine Dreams conta com lançamento pelo selo La Femme Qui Roule.

JP Cardoso – Submarine Dreams

Continue Reading "JP Cardoso: “Submarine Dreams”"

Melodias descomplicadas, versos marcados pela saudade e uma coleção de temas nostálgicos. Assim é o trabalho produzido pelo cantor e compositor mineiro JP Cardoso. Próximo de lançar o primeiro álbum de estúdio da carreira, trabalho que conta com a colaboração de Leonardo Marques, um dos integrantes da banda Transmissor, Cardoso apresenta ao público a delicada I Met My Best Friend Skipping Waves On The Beach, faixa de abertura do inédito Submarine Dreams (2016).

Perfumada por fragmentos poéticos de um jovem adulto e memórias construídas na infância do cantor – “I met my best friend riding waves on the street / Falling and grinding the skin left on our knees” –, a canção encanta pela completa leveza dos arranjos e vozes. Melodias que dialogam de forma natural com o trabalho de bandas como The Shins, Death Cab for Cutie e toda a frente de artistas que invadiram o cenário norte-americano no começo da década passada.

Submarine Dreams (2016) será lançado no dia 26/08 pelo selo La Femme Qui Roule.

JP Cardoso – I Met My Best Friend Skipping Waves On The Beach

Continue Reading "JP Cardoso: “I Met My Best Friend Skipping Waves On The Beach”"

É hora de mais uma Indieoteque ao som e tempero do Miojo Indie. Durante toda a noite, clássicos antigos e recentes do Indie Rock, Hip-Hop, Eletrônica e música Pop invadem a pista da Funhouse. Na próxima edição da festa, Cleber Facchi recebe os amigos JP Cardoso, Marcos Bacon e Leonardo Costa para uma discotecagem com os principais lançamentos dos últimos meses. Ouça a playlist de aquecimento da festa:


✘ O que toca ✘

The Strokes, Vampire Weekend, Kanye West, Grimes, Savages, Carly Rae Jepsen, Arcade Fire, Taylor Swift, David Bowie, Kendrick Lamar, Disclosure, Parquet Courts, Chairlift, Hinds, Crystal Castles, Blood Orange, Phoenix, Queens Of The Stone Age, Daft Punk, Arctic Monkeys, Chromatics, Icona Pop, Hot Chip, Young Galaxy, Charli XCX, Tame Impala, Friendly Fires, Silva, Pixies, The XX, Silva, Jessie Ware, Animal Collective, Talking Heads, Radiohead, Dirty Projectors, Björk, The Rapture, Interpol, Deerhunter, Alt-J, Baths, Amy Winehouse, Yeah Yeah Yeahs, Janelle Monáe, !!!, Purity Ring, Real Estate, Toro Y Moi, The Killers, The Kinfe, Tyler The Creator, Best Coast, Foals, Everything Everything, Frank Ocean, Holy Ghost!, Justin Timberlake, Mac DeMarco, La Roux, Kendrick Lamar, MGMT, Lily Allen, Twin Shadow, Solange, Passion Pit, Wavves, Chloe Howl, Ducktails, Unknown Mortal Orchestra, Franz Ferdinand, Azealia Banks, Japandroids, Two Door Cinema Club, e mais ♩♬♪♩♫

✘ Quanto custa ✘

Você entra VIP até às 22h! Depois disso…
Com nome na lista -> R$40 consuma ou R$20 de entrada
Sem nome na lista -> R$60 consuma ou R$30 de entrada
Lista de desconto em breve!

✘ Quem toca ✘

Cleber Facchi
JP Cardoso
Marcos Bacon
Leonardo Costa

✘ Promoções do esquenta – até às 23h ✘

Double Vodka;
Heineken e Sol por R$8;
Além disso, dá pra pedir sanduíches e comidinhas by Bar Exquisito até às 23h [www.bit.ly/CardapioEsquenta]

✘ A Funhouse abre às 20h pro esquenta e a festa começa pra valer às 23h. Pra saber mais: http://bit.ly/17dbmUk

♚ Pros aniversariantes ♚

Quer comemorar seu aniversário na Funhouse? Você entra VIP com acompanhante! Aqui a gente explica como funciona: www.bit.ly/AniversarioNaFun

————-

Censura: 18 anos. Não esquece de levar documento oficial com foto 😉

Continue Reading "Indieoteque Miojo Indie (Agosto, 2016)"

No próximo sábado (16) acontece a primeira edição do Midsummer Nights, evento comandado por Rodrigo Lariú, do selo Midsummer Madness. Além da apresentação do grupo Tom Gangue, o evento ainda conta com a discotecagem de Jp Cardoso (Shake Shake), Cleber Facchi (Miojo Indie) e Rafael Genu Faria (PELVs). Na pista, clássicos do rock alternativo dos anos 1990 – Pavement, Built To Spill –, 2000 – Cymbals Eat Guitars, Real Estate – e 2010 – Alvvays, Parquet Courts, Car Seat Headrest. Ouça a playlist de aquecimento da festa:…Continue Reading “Midsummer Nights convida: Miojo Indie / Tom Gangue”