Tássia Reis: “Pode Me Perdoar”


Como indicado durante o lançamento de Ansiejazz, há poucas semanas, Tássia Reis vem preparando o terreno para o terceiro álbum de estúdio da carreira. Sequência ao elogiado Outra Esfera – 20º colocado na nossa lista dos 50 Melhores Discos Nacionais de 2016 –, o novo disco deve estreitar a relação da artista paulistana com o neo-soul/R&B dos anos 1990 e início da década de 2000, conceito que vem sendo aprimorado pela artista desde o último ano, durante o lançamento de Shonda, mas que alcança novo e delicado resultado na recém-lançada Pode Me Perdoar.

De poesia agridoce, a canção amarra passado e presente de forma sensível, como um mergulho nas memórias, tormentos e experiências particulares de Reis. “Será que pode me perdoar? / Eu preciso dizer / Eu nunca mais vou te machucar“, canta em meio a sintetizadores e vozes trabalhadas de forma precisa, lembrando os instantes de maior entrega emocional no trabalho de veteranas como Destiny’s Child, Monica e Brandy. Um exercício de profunda delicadeza, indicativo do material que vem sendo produzido sem pressa pela cantora e será entregue nas próximas semanas.


Tássia Reis – Pode Me Perdoar