Toro Y Moi: “Soul Trash” (VÍDEO)


Para a produção do quinto álbum de estúdio da carreira, Boo Boo (2017), Chez Bear decidiu investir na produção de um média-metragem marcado pelo aspecto tropical das imagens. Com direção assinada por Company Studio, o trabalho parecia servir de complemento ao fino repertório formado por músicas como Girl Like You e Mona Lisa. Dois anos após o lançamento do registro, o produtor norte-americano está de volta com um projeto similar. Intitulado Soul Trash (2019), o registro dirigido por Laneya Billingsley funciona como uma extensão visual da nova mixtape produzida pelo artista.

São pouco mais de 20 minutos em que Bear vai da eletrônica tropical dos primeiros discos como Toro Y Moi ao rap em uma linguagem deliciosamente caseira, suja. O mesmo direcionamento acaba se refletindo na seleção de imagens dirigidas por Billingsley. São captações ao vivo do artista, recortes e registros carregados de efeitos. Esse é o segundo grande lançamento do músico em um intervalo de poucos meses. Em janeiro deste ano, Bear presenteou o público com o ótimo Outer Peace (2019), trabalho que prova de uma sonoridade dançante, estímulo para faixas como Freelance e Ordinary Pleasure.



Toro Y Moi – Soul Trash